Teorias de Fórum.. será que é verdade?

Por mais que a gente se sinta bem sozinho às vezes aparece uma ansiedade de encontrar alguém, ultimamente encontrar alguém o mais próximo possível do que eu sou.
Dia destes num fórum discutia com uns amigos essa questão que é muito interessante, como muitas vezes a influência do sistema em que vivemos é tão forte e marcante em nossas vidas que chega a ponto de aparecer até nos relacionamentos.
Na maioria das vezes quando procuramos alguém já começamos errados, porque funciona mais ou menos como um mercado onde você escolhe a pessoa, e geralmente, geralmente damos muito valor a qualidades que não são muito importantes.
Mas estamos dispostos a pagar o preço, achamos que tem que ser tem que ser e ponto final. E quando uma pessoa quer muito uma coisa, o ser humano é fantástico: Conquista.
Conforme vai passando o tempo, todas pessoas vão mostrando o que são, e com toda certeza vão existir coisas em nós que não vão ser aceitas pelo outro e, o mesmo acontece conosco em relação aos outros. Isso é regra: nós nunca vamos ser quem somos de verdade assim de supetão.
Os defeitos só aparecem meses depois...
São nestes momentos que podemos observar se estamos mesmo dispostos a manter firme na nossa escolha, ou se vamos buscar algo novo...
Bom, na maioria das vezes voláteis, os humanos, volta a procurar o perfeito...
Só que o perfeito não existe, o que existe são pessoas comuns tal como nós, indivíduos que tem suas particularidades, suas opiniões, suas crenças e convicções...
Você não pode comprar uma televisão se o que gosta de fazer é ouvir musica...
A outra questão que dá o que pensar é: como no sistema capitalista vivemos uma forma estrutural, onde as pessoas ocupam lugares muito difíceis de transpor não aceitamos mudança nos relacionamentos... aqui serve principalmente no caso dos homens que às vezes se assustam com mulheres independentes "demais", ou mulheres inteligentes "demais", ou mulheres liberais "demais"... sem contar a questão da idade que é normal mulher jovem estar com um homem mais velho, mas uma mulher com mais idade que seu parceiro é algo quase que abominável. Assim geralmente é preferível que as mulheres sejam inferiores aos homens em alguns aspectos dessa estrutura.
Outra coisa é isso de individualismo. Nos relacionamentos na maioria das vezes só pensamos em primeira pessoa: eu, Eu, EU! O outro fica perdido no mundo do eu, como se dele fosse um apêndice... isso aqui serve para eu...
Por isso e por tudo que já vivi até hoje, eu definitivamente estou querendo um relacionamento o mais socialista possível.
Socialismo só pode existir entre pessoas que vivam uma comunidade, portanto: percepções comuns, crenças comuns, formas de pensar e ver a vida em comum e que se ajudem mutuamente. Supondo que não exista um completamente igual, o que seria um clone e não iria ter nenhuma graça... parece ser necessário que exista proximidade,
este negocio de opostos cada vez mais estou crendo que só funciona na física mesmo...
— Cadê minha agenda com os telefones dos amigos da faculdade?

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS
Read Comments

7 comentários:

Jefferson de Souza disse...

Uh! Forte, isso... (Doeu...)
---------------------------------
Aquela regrinha que vc menciona no meio do escrito é FUEDA... Mas é REGRA... Que DROGA!
---------------------------------
Egoísmo é 1 'ismo' duro de se derrotar... Não sei dizer se o ser humano é naturalmente egoísta... Acho que não... O Egoísmo --bem como o Altruísmo-- é algo plantado no ser, não vem junto com o pacote-ser-humano...
O grande problema é conseguir arrancá-lo com a raiz...

Jefferson de Souza disse...

Tbm tô c/ saudades de vc, qrida!

Adoro vc! Bjo!

Mr. San disse...

Interessantes as suas reflexões, mas capitalismo e socialismo poderiam ter ficado de fora, no meu entender. Pois, se no capitalismo reina a exclusão, no socialismo reina o nivelamento por baixo... aí é dose! Um grande abraço e obrigado pelas visitas.

siemprellegotarde disse...

Hola Raquel!como estás? por lo que veo estás en disquisiciones profundas sobre la sociedad (ya van como tres posts de los recientes donde tocas el tema desde diferentes ángulos) yo opino que los sistemas que rigen las sociedades, (y hablo de occidente) se asemejan mucho al traslado, a la manera humana, de las leyes que rigen la naturaleza: selección, sobrevivencia del mas fuerte, mecanismos de protección por medio de la vida en comunidad, pero con una marcada jerarquía e individualidad, en fin. Yo creo que para superar esos "esquemas instintivos" nos faltan aún muchos siglos de evolución.
Un abrazo!
PD. Lo de las mujeres es otra cosa, sólo digo: si a hacer independientes ¡que lo hagan! pero que lo hagan completamente.

Raquel disse...

Jefferson...
a regra é real, e comprovada empiricamente... :)

mr. Sam...
no capitalismo todos estão incluidos, pois sim, incluidos perversamente dentro do sistema, por isso que os feios por exemplo tem o seu valor nos relacionamentos... quanto ao socialismo e o nivelamento vou ter que pensar mais um pouco...mas pode ser mesmo...

siempre llego tarde...
cómo? completamente? ya no es así?!?

siemprellegotarde disse...

Saudades Raquel!
si, me refiero a que a veces quieren ser independientes y a veces "no quieren" serlo ¿por qué será?

Raquel disse...

Bueno, yo con todo de sinceridad te digo:
Yo siempre soy independiente, en todo. =P